Sporting-Benfica

21-04-2017 14:50

Atentado em Paris "veio pesar e dar mais força" à segurança no dérbi

O dérbi entre Sporting e Benfica está agendado para as 20:30, sendo que as portas abrem duas horas antes (18:30).
Agentes da Polícia de Segurança Pública (PSP)
Foto: Lusa

Agentes da Polícia de Segurança Pública (PSP)

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

A Polícia de Segurança Pública (PSP) admitiu hoje que os atentados de Paris trarão uma atenção redobrada às medidas de segurança para o encontro de sábado da 30.ª jornada entre Sporting e Benfica, salientando que será de risco elevado.

"Vamos tentar ir ao detalhe, ver o que fizemos nos últimos encontros entre as duas equipas naquele estádio [José Alvalade], onde falhámos e melhorar o que fizemos bem de acordo com o dia de amanhã [sábado]", afirmou o subintendente Pedro Pinho em conferência de imprensa, prosseguindo: "Os atentados de ontem [quinta-feira] nos Campos Elísios [Paris] vieram pesar e dar mais força a estas ideias. Tudo conta e é um evento de risco elevado".

Sem querer revelar o número de agentes destacados para o ‘derby’, o subintendente frisou que estará uma unidade "dentro do rácio da lei e um componente de reforço".

De resto, a PSP confirmou que o percurso das claques do Benfica até ao Estádio José Alvalade será "semelhante à de jogos anteriores" e perspetiva a chegada às imediações por volta das 18:20, dez minutos antes das portas abrirem.

No entanto, a PSP não deixou de lembrar que haverá vários condicionamentos nas zonas envolventes ao Estádio de Alvalade, razão pela qual aconselha os adeptos a chegarem cedo ao recinto e a utilizarem os transportes públicos.

"Nestes eventos há sempre cuidados acrescidos e pedimos às pessoas que usem os transportes públicos, que cheguem cedo para efetuarmos as revistas na entrada do Estádio, bem como o controlo de viaturas".

O dérbi entre Sporting e Benfica está agendado para as 20:30, sendo que as portas abrem duas horas antes (18:30).

Conteúdo publicado por Sportinforma